artigo publicado

50€ para gastar 2

Fev 12

Hoje surgiu uma notícia animadora no Jornal de Negócios. Segue a transcrição de parte dessa notícia:

“A Google Portugal, há um ano com presença directa no país, quer trazer as pequenas e médias empresas para o mundo da publicidade “online”. Para isso, a empresa vai oferecer um cupão de 50 euros para que possam experimentar o produto AdWords.

Paulo Barreto, director-geral da Google Portugal, diz que “já são várias as empresas a aderir ao AdWords, principalmente no último trimestre do ano passado”.

O responsável, num encontro com jornalistas, confessa que a crise poderá criar oportunidades de negócio para a Google, uma vez que a publicidade direccionada poderá ser a opção de muitas empresas, segundo a visão que detém o maior motor de busca do mundo.

O Google Adwords permite ao utilizador criar anúncios escolhendo palavras-chave, as quais são palavras ou expressões relacionadas com a sua empresa.

Quando as pessoas pesquisam no Google utilizando uma das suas palavras-chave, o seu anúncio poderá ser apresentado ao lado dos resultados da pesquisa. Não existe requisito de gasto mínimo – o valor pago para o AdWords é escolhido pelo utilizador. É possível, por exemplo, definir um orçamento diário de cinco dólares e um custo máximo de dez cêntimos por cada clique no seu anúncio.”

A notícia segue com mais alguns comentários sobre outros produtos Google, mas o Adwords é realmente o mais relevante.

Realmente a presença, ainda que fraca do Google em Portugal não se fazia notar de forma relevante. A primeira vez que tive conhecimento da actividade do Google, foi com o convite para o Google University que me endereçaram em 2006. Depois estive num curso Adwords patrocinado pelo Google mas dado pela empresa Marketing Tecnológico. Para além disso, houve ainda a referência da entrevista do Gorila.pt a uma engenheira do Google.

É importantíssimo que o Google promova o seu produto Adwords. A publicidade online tem enormes potencialidades e tem vantagens que outro tipo de publicidade não garante. Por exemplo, num anúncio de televisão, a empresa de marketing nunca poderá saber em concreto o retorno da exibição desse anúncio. Com o Adwords, os anúncios podem ser convertidos em vendas, tráfego, leads, etc e isso ser correctamente conhecido.

Espero sinceramente que as empresas adiram em massa. Algumas vão utilizar e vão cometer alguns erros. Por ex, é provável que apareçam clicks de elevado valor, para keywords que até pode nem ser habitual, ou que as empresas gastem 5€ diariamente logo no início do dia. As empresas não têm nada a perder em experimentar, são 50€ para gastar que até se podem converter em vendas importantes se correctamente utilizados.

Se é responsável por alguma empresa que pretenda aderir a este tipo de iniciativa, recomendo ainda os cursos Adwords do Marketing Tecnológico.

subscreve os comentários

Existem 2 comentários neste artigo

  1. Cesar diz:

    Esperemos que realmente exista uma aderência em massa, um aumento da competitividade das palavras chave vem mesmo a calhar.

    O único senão disto é que muitos vão queimar os 50€ sem dar conta acabando por usar palavras chave que não lhes interessam realmente. Recebem uns visitantes é certo, mas esses visitantes “fogem” logo de seguida e depois esses anunciantes chegam a conclusão precipitada de que o Adwords não serve para nada.

  2. Boas
    Ja tinha estado numa workshoop do goole ca em portugal e tinham falado disso.
    Metam metam que nos ca estamos para publicar 🙂
    Cumprimentos
    Hugo Mateus
    HugoMateus.com/
    Quer um fluxo contínuo de leads GRÁTIS? É simples. VEJA COMO.

Deixa a tua opinião neste artigo

* campos obrigatórios

ganhar dinheiro

  • tirei tudo
  • Já não promovo nada
  • Nem mesmo ebay
  • TLA muito menos
  • nothing

Sobre mim

O meu nome é Rui Augusto e aqui neste blog partilho conhecimento, experiências e opiniões sobre temáticas ligadas à rentabilização e promoção de sites. Mais detalhes podem ser verificados na pagina sobre o tolnetwork.com

twitter feeds flicker twitter Dihitt

tolnetwork.com is powered by WordPress and Customized FREEmium Theme.
developed by Dariusz Siedlecki and brought to you by FreebiesDock.com