artigo publicado

echoes 3

A comOn (antiga Elemento Digital) está a desenvolver um novo serviço web chamado «Echoes». O Echoes pretende ser uma espécie de Topic real-time search mashup homepage.

O objectivo é criar homepages úteis e relevantes para qualquer tópico/assunto/keyword, de forma completamente automatizada. Essas homepages são construídas com base na integração de várias APIs de serviços web, com recurso a aplicações de web semântica e também com a participação da comunidade do Echoes.

O serviço não é totalmente inovador, mas a comOn pretende trazer um valor acrescentado a este conceito.

Na homepage de cada tópico, é possível aos utilizadores submeterem Links, Feeds RSS e Comentários. Desta forma com a colaboração da comunidade as páginas poderão ser enriquecidas e o conteúdo tornado mais relevante e útil.

O objectivo da comOn é conseguir, num futuro próximo, identificar automaticamente o tipo/categoria do tópico pesquisado e conseguir seleccionar automaticamente as melhores APIs de forma a fornecer a informação mais relevante.

O serviço ainda está em fase beta mas tem grandes potencialidades. Como exemplos do que este serviço permite, podem visitar as páginas do Michael Jackson, BMW ou Portugal. Aconselho a testarem e a ficarem atentos ao conceito.

subscreve os comentários

Existem 3 comentários neste artigo

  1. Manuel M. diz:

    Rui desculpa o desabafo mas aqui vai:

    A ED não descobriu a pólvora. O content parsing pode ser novidade em Pt mas lá fora é o que mais há e digo mais, grande parte das vezes está associado ao blackhatseo.

    Ajax + Conteúdo alheio = tráfego. Nada de novo. Será que em Pt não se cria nada de realmente inovador? Bolas…

    Automated content: mau para o user e mal visto pelo google (e bem).

    Cumps

    PS: Quantas queries serão necessárias para que o parser estoire? Se fizeram tudo como deveríam não têm de se preocupar com o todo poderoso G, ou a lastFm, o até o Yahoo!

  2. Viva Manuel M.

    Obrigado pelo teu comentário ao Echoes.

    Aproveito para esclarecer alguns pontos…

    – «A ED não descobriu a pólvora»
    Certíssimo. E somos os primeiros a admiti-lo na apresentação que fazemos do Echoes na página «What is Echoes»: “Yes, there are several simillar and great services available, but we believe we can add value to the concept.”

    Aproveito já agora para deixar alguns exemplos de excelentes sites que serviram de inspiração:
    . glue.yahoo.com
    . addictomatic.com
    . daylife.com
    . alltop.com

    – «content parsing»
    Não existe qualquer parsing ou scrapping envolvido no Echoes.
    Todas as fontes que estamos a usar, disponibilizam e promovem a utilização das suas APIs, para que possamos integrar o seu conteúdo no Echoes.
    É o que fazemos e por vezes com apoio técnico por parte das respectivas equipas técnicas desses serviços.

    Toma como exemplo o Twitter. Grande parte do sucesso do Twitter vem da quantidade de aplicações que foram desenvolvidas com base na API deles.

    Não se trata de «copiar conteúdo», trata-se sim de integrar serviços e criar novos serviços com essa integração, gerando valor e inovação.

    E esta integração automatizada de serviços e informação está a construir a web 3.0.
    Já agora permite-me que recomende um excelente video do criador da WWW sobre este tema:
    http://www.ted.com/index.php/talks/tim_berners_lee_on_the_next_web.html

    – «blackhatseo»
    O Echoes foi desenvolvido como um serviço agregador de conteúdo por tópico.
    Não temos objectivos de posicionamento no SERPs. Até porque seria um tiro no pé, como certamente sabes, ter um site apenas com conteúdo duplicado não é propriamente uma boa estratégia para quem quer notoriedade.

    É verdade que o Echoes está ainda longe do serviço que queremos que seja, mas o serviço tem pouco mais de 1 mês de desenvolvimento.

    Espero que em breve possas considerar o Echoes como um serviço útil e usável.

    Obrigado.

  3. Por uma questão de respeito pelo blog do Rui, respondi-lhe no vosso blog.

    Cumprimentos

    Manuel M.

Deixa a tua opinião neste artigo

* campos obrigatórios

ganhar dinheiro

  • tirei tudo
  • Já não promovo nada
  • Nem mesmo ebay
  • TLA muito menos
  • nothing

Sobre mim

O meu nome é Rui Augusto e aqui neste blog partilho conhecimento, experiências e opiniões sobre temáticas ligadas à rentabilização e promoção de sites. Mais detalhes podem ser verificados na pagina sobre o tolnetwork.com

twitter feeds flicker twitter Dihitt

tolnetwork.com is powered by WordPress and Customized FREEmium Theme.
developed by Dariusz Siedlecki and brought to you by FreebiesDock.com